Candidatas do Miss Festival vestidas com material reciclado


Fotos: Caio Kenji

Vestidos e blusas que brilham como paetês e parecem ser feitos de crochê ou de material sintético. Mas na verdade o que as candidatas do concurso Miss Nikkey Brasil 2009 vestiram na abertura do evento eram roupas feitas de materiais reciclados.

No Festival do Japão, que teve como tema a preservação do meio ambiente, a estilista Consuello Matroni encontrou a oportunidade de mostrar seu trabalho que faz há 19 anos.

Consuello confecciona trajes feitos de materiais que normalmente vão para o lixo, como fitas cassete antigas, sacolas plásticas de supermercado, cartões de crédito velhos, garrafas pet e tetra pack, anéis e fundos de latinhas de alumínio, embalagens de shampu e condicionadores, entre outros materiais.

“Faço as roupas para divulgar a coleta seletiva. Eu quero mostrar para as pessoas que é possível reduzir a quantidade de lixo reutilizando em roupas”, diz Consuello, que considera as embalagens de plástico as que mais oferecem variações de cortes, cores e aplicações.

As meninas que vestiram as peças ficaram encantadas com a criatividade da estilista. “As roupas estão lindas, eu usaria essa blusa para sair”, disse Akemi Kitayama, representante do Rio Grande do Norte, que vestia uma frente única feita de embalagens plásticas que demorou um mês para ficar pronta. “Essa blusa foi a mais trabalhosa de todas, porque os quadradinhos são muito pequenos. Quanto menor os quadrados, mais difícil de fazer”, contou Consuello.

A estilista não põe as peças à venda. “Eu quero levar essas roupas para divulgar a coleta seletiva. Se eu vendê-las, eu não vou ter como divulgar. A minha missão é incentivar a redução do lixo”, explica.

Você pode se interessar também por...