fechar
Galeria de Fotos

Mangaká brasileiro

Acompanhe um dia na vida do brasileiro que foi para o Japão como dekassegui e hoje faz faculdade de mangá em Tokyo


por Redação Made in Japan
23.02.2009

PERFIL: Marcelo Minouru “NOUYA” Kakinoki
IDADE: 21 anos
LOCAL DE NASCIMENTO: São Paulo/SP
ATIVIDADE: Estudante de mangá e anime “Terminei o curso de mangá e atualmente faço ilustração na Tokyo Animator College. Estou começando as aulas de anime. Meus autores preferidos são KOGE-DONBU (nome artístico de Kokoro Koharuno, autora de obras como Di Gi Charat) e Norihiro Yagi (Claymore). Meu objetivo profissional é trabalhar na produção de um grande estúdio de anime”.

Made in Japan 137 traz mangaká brasileiro Kamiya Yuu
A Made in Japan que está nas bancas traz como matéria de capa a história do mangaká brasileiro Lucas Thiago Furukawa, conhecido como Kamiya Yuu. Ele profissionalizou-se no Japão e publicou, com sucesso, os mangás Earise (Earth) e Greed Packet Unlimited.

Tirando o fato de ter nascido no Brasil e adotar o português como sua primeira língua, Marcelo Minoru Kakinoki, ou simplesmente Nouya, parece um japonês como qualquer outro.

Sua história chama a atenção porque, além de viver no Japão, ele está concretizando o sonho de muitos jovens brasileiros fãs de mangá e anime: estuda em uma das mais conceituadas faculdades de desenho no Japão, a Tokyo Animator College.

Quem não gostaria de conviver diariamente com profissionais altamente qualificados, dispor de uma estrutura de primeira linha e estar rodeado por pessoas apaixonadas pela arte de desenhar?

Made in Japan passou um dia na cola desse brasileiro que atravessou o mundo para realizar seu sonho de ingressar no mercado de animação japonesa. Para se ter uma idéia da importância da faculdade onde ele estuda, passaram por lá nomes como Hiroki Yagami (Dear Boys) e Rando Ayamine (Get Backers). “Desde que comecei a freqüentar a escola, notei uma clara evolução nos meus traços, já que aqui você foca 100% de sua energia e tempo em desenho.”

Na parte da tarde, ele trabalha na Toranoana, editora especializada em mangá doujinshi (fanzine) que possui lojas espalhadas por todo o Japão. Um pequeno detalhe: o escritório fica na região de Akihabara, que hoje é considerada capital mundial da cultura otaku.

Atualmente, Nouya vive 24 horas de seu dia cercado por mangá e anime, mas é bom deixar claro que nada disso apareceu por acaso em sua vida. Decidido a estudar em uma escola especializada no Japão desde seus 15 anos, quando viu uma reportagem na antiga revista Henshin!, da Editora JBC, ele foi ao arquipélago como um típico dekassegui.

E logo após ser aprovado na avaliação para ingressar na faculdade, passou a conciliar lápis e pincéis das aulas de desenho com as chapas quentes e carnes congeladas de uma rede de fast-food norte-americana, para pagar parte de suas contas - ele conta com a ajuda dos pais para despesas escolares e de aluguel.

Acompanhe, nas imagens acima, um dia típico de nosso personagem, que pode servir de inspiração para outros fãs da cultura otaku que sonham em fazer carreira no Japão.

Veja mais notícias relacionadas ao tema:
.: Escola de mangá Japan Sunset ganha novo endereço em SP
.: Escola de mangá em Tóquio

Voltar ao topo da página
Galeria de Fotos
Programa reduz rendimento de receitas culinárias
No Japão tem secador de guarda-chuva
Made in JapanCopyright Editora JBC. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Editora JBC.
Editora JBC  | Mangás JBC  | Livros JBC  | Henshin!  | WCS - Brasil  | Restaurantes Japoneses  | Hashitag